Campos dos Goytacazes
São João da Barra
São Francisco de Itabapoana
Italva
Cardoso Moreira

Campos dos Goytacazes, Quinta, 24 de Setembro de 2020

CNJ abre investigação contra presidente afastado e desembargadores do ES


16/12/2008 13h22

Fonte: CNJ

Terça, 16 de Dezembro de 2008

tjes.jpg A Corregedoria Nacional de Justiça do Conselho Nacional de Justiça (CNJ)  abriu um Procedimento Administrativo Disciplinar para apurar as denúncias contra o presidente afastado do Tribunal de Justiça do Espírito Santo,  Frederico Guilherme Pimentel, dois desembargadores, um juiz e uma servidora. Na decisão, o corregedor nacional de Justiça, ministro Gilson Dipp,  informou que determinará a intimação dos acusados.

O anúncio foi feito pelo ministro Dipp,  na abertura da sessão plenária do CNJ, na manhã desta terça-feira (16/12). Os acusados estão sendo investigados por crimes contra a administração pública e participação de um esquema de venda de sentença. Cópia do inquérito penal do Superior Tribunal de Justiça (STJ) já foi entregue ao corregedor para que seja analisado. No inquérito, tanto o Ministério Público como a relatora no STJ, a ministra Laurita Vaz, pediram para que a Corregedoria do CNJ analise as eventuais implicações do caso no âmbito administrativo e disciplinar.

EF/MG/SR

Agência CNJ de Notícias


1

Dúvidas? Chame no WhatsApp