Campos dos Goytacazes
São João da Barra
São Francisco de Itabapoana
Italva
Cardoso Moreira

Campos dos Goytacazes, Terça, 11 de Dezembro de 2018

Luciano Bandeira é eleito novo presidente da OAB-RJ para os próximos três anos

Felipe Santa Cruz concorre em fevereiro para o Conselho Nacional


22/11/2018 07h14

Fonte: Jornal O Dia

Rio - Com o apoio do atual presidente Felipe Santa Cruz, Luciano Bandeira foi eleito para comandar a Ordem dos Advogados do Brasil do Rio (OAB-RJ) nesta quarta-feira. Com 85% das urnas apuradas até as 21h30, Bandeira tinha 51,69% dos votos contra 14,75% de Luciano Viveiros, da Chapa 3, 8,68% de Vitor Marcelo, da Chapa 5, 7,71% de Roque Z, da Chapa 2, 6,61% de Fernando Orotavo, da Chapa 5, e 4,93% de Rodrigo Salgado, da Chapa 6. Em fevereiro será a vez de Santa Cruz, que está afastado da entidade por causa da eleição, concorrer para o Conselho Nacional, como candidato em chapa única. 

"A vitória da nossa chapa representa a vitória da advocacia fluminense, de uma gestão que assumiu a OAB há 12 anos e mudou para sempre a história desta instituição com um trabalho de excelência que tornou-se referência em todo o país na assistência a advogados e advogadas. Quero agradecer a todos pela confiança, especialmente ao presidente Felipe Santa Cruz, mas não há tempo para grandes comemorações. A partir de amanhã estarei fazendo o que faço há mais de uma década na OAB: trabalhar em prol da classe”, disse Bandeira

Mais de 102 mil advogados foram às urnas para escolher os presidentes de subseções, membros do Conselho Seccional e Caarj para triênio 2019-2021. Seis chapas disputaram a eleição, a OAB Forte e Unida, liderada pelo tesoureiro da atual administração e presidente da Comissão de Prerrogativas, Luciano Bandeira, foi a vencedora.  

Advogado há 24 anos, Bandeira enfatiza sua experiência também à frente de cargos há 12 anos na entidade. Na sua administração promete lutar pelos advogados, investir na jovem advocacia e igualdade para as mulheres advogadas. "Tudo que a Ordem fizer, como palestras, terá participação de 30% de mulheres à mesa, com a meta de atingir 50%. Esse é o projeto do Conselho para 2021, mas queremos alcançar já", afirmou Bandeira.

Para o novo presidente, o maior desafio da entidade, no entanto, é defender o trabalho dos advogados. "Estão confundindo o advogado com o cliente, como um entrave à Justiça. O advogado não é um empecilho", protestou.